sábado, 18 de março de 2017

regresso

no fim de semana que passou fez anos (quarente e dois) que nasceu o meu primeiro filho
eram tempos de tanta esperança, esses de ele ter nascido, ainda que o seu dia tenha coincidido com aquele "golpe" que meteu o general do monóculo...
estivemos na praia onde me cresci para este gosto pelo mar que lhe transmiti e ele aos seus meninos
desse entardecer de quase primavera deixo um registo e a promessa de que, de hoje em diante, é aqui que volto quando me apetecer dizer de mim ou dizer de seja o que for




6 comentários:

wind disse...

Então parabéns atrasados para ele e para ti que és mãe!
Bela praia!:)
Beijos

wind disse...

E também és avó:)
Beijos

Benó disse...

Parabéns para a mãe e para o filho. Felicidades.

Fátima Santos disse...

obrigada minhas caras Benó e Wind

Luís Maia disse...


Que bom voltarmos a andar por aqui e poder voltar a ler e sobretudo a reler coisas que valham a pena . O FB é uma vertigem

Maria de Fátima disse...

Vamos ver se criamos adeptos, Luís

adoro estes espectáculos - este é no mercado de Valência

desafio dos escritores

desafio dos escritores
meu honroso quarto lugar

ABRIL DE 2008

ABRIL DE 2008
meu Abril vai ficando velhinho precisa de carinho o meu Abril

Abril de 2009

Abril de 2009
ai meu Abril, meu Abril...

dizia ele

"Só há duas coisas infinitas: o Universo e a estupidez humana. Mas quanto à primeira não tenho a certeza."
Einstein