terça-feira, 11 de janeiro de 2011

dia onze de janeiro de dois mil e onze


             hoje é simplesmente terça feira
             o dia décimo primeiro de outro janeiro

             hoje é
             por acaso dos astros
             por acaso do calendário
             por destino que me tenha sido dado
             o dia do meu aniversário

             doze meses somados


             hoje
             terça feira
             janeiro de dois mil e onze
            



Antonio López García Carmencita Playing, 1960

           

9 comentários:

Li disse...

Muita, muita alegria pra vc hoje e sempre!
beijo

Vieira Calado disse...

Hoje...

já ontem...

que os bons ventos te protejam!

Bjs

wind disse...

Escritora, os meus parabéns atrasados:)
Beijos

Aci disse...

Olá!!!
MUITOS PARABÉNS!!!

Por acaso estou em Lagos, por uns dias.
Sou a Acilina/homoclínica, lembras-te?

Vim aqui ter por acaso. Estava no Facebook (aí sou Aci Lina), aqui http://www.facebook.com/#!/photo.php?fbid=1477333663901&set=a.1472116613478.2059907.1550521951 e segui um link e depois outro link.

Aci disse...

E foi o dia 11/1/11.
Irrepetível.

Aguimas disse...

Não são atrasados porque já tos tinha dado mas fica aqui novo registo.

Anónimo disse...

hoje décimo primeiro de outro janeiro

hoje astros do calendário
destino do meu aniversário

(e viva a poesia)

Benó disse...

Maria de Fátima, hoje, nas minhsa visitas pelos blogues habituais, é que vi que tinha havido aniversário por aqui. Bem, um pouco atrasados m as aqui deixo os meus desejos de FELICIDADES para mais um ano. PARABENS.

Claire disse...

Linda Fátima! Dito assim tem outro sonido e o António! Um regalo

adoro estes espectáculos - este é no mercado de Valência

desafio dos escritores

desafio dos escritores
meu honroso quarto lugar

ABRIL DE 2008

ABRIL DE 2008
meu Abril vai ficando velhinho precisa de carinho o meu Abril

Abril de 2009

Abril de 2009
ai meu Abril, meu Abril...

dizia ele

"Só há duas coisas infinitas: o Universo e a estupidez humana. Mas quanto à primeira não tenho a certeza."
Einstein