segunda-feira, 20 de setembro de 2004

em jeito de...crónica

Ai deuses e todos os demais que possa para aqui congregar!
Oh! Forças do Universo!
poderosas forças que trazeis de vós o irreal para as entranhas do real !
Oh! inomináveis contadores de vós que presenteais ao insondável
energias transmitidas e reconvertidas
Partículas e ondas
numa realidade que se ousou poisar, incontrolada,
num local abeirado de águas numa noite aquentada de sóis
escondidos, já, nessa rotação dos astros, pela vossa mão,
no ventre das vossas inenarráveis estruturas!
Oh! Deuses, demónios, anjos, vulcões, luas,
quarks e esse sem fim de pedacinhos que fazem
de cada um um todo e do todo cada um!
Oh! aflita alma minha rodopiando nesta infinitude
que de sentires se entrelaçam
sem que saiba se de mim para eles
ou num outro qualquer direccionamento
e se, sequer, sentires lhe chame
tal a confusa demanda do que entendia virtual
que por, ouvindo, semelhar a virtude,
tão doce se me encanta seu existir num nada,
se me deu em desfazer em SER!
Enlouquecida!
Devaneante!
Errónea!
Incorpórea!
Neste estado os invoco
....shut!!!!!!!!!!
eles estão vindo...devagar...doces...
Sinto-os por entre as paredes, o tecto, o soalho...
Sentaram-se...estiram mesclas que semelho a pernas, braços...
mas serão, antes alguma outra entidade que desceu com eles
Aquietam-se em meu derredor
Estão aqui
Envolvem-me
Aquietei também
Respiro como um ser real
Apalpo-me....
sinto as estrias, os poros, os pelos
Eu estou aqui e.... maravilha!
estou sentindo que sinto!
Agora, talvez possa pensar o que terá acontecido
naquele local abeirado de águas numa noite aquentada de sóis já escondidos ....
Talvez!...
Antes, preciso estar mais um pouco com estas entidades aqui convocadas!
Olho-as!!
sossegadamente, se estão a preparar para entardecer comigo!
Depois...
Depois eu contarei ....
Agora, eles estão segredando
Shut!!!! quero ouvir!
Dizem .....que foram as sensações cruzadas
nesse local,sempre à beira rio mesmo quando já um outro dia se amanhecia,
foram essas doses intensas, concentradas, fortes,
que me fizeram assim os congregar...
Dizem-me que assossegue
Que olhar o real pelas portas da alma é tão desusado ao humano ser
Que (dizem-me eles, aqui, juro!)
Pode transmutar-se o ser em eles...num deles...
Que me aquiete
Que veja as fotos lindas
Que recorde cada sorriso
Que sinta cada abraço
Que oiça os rumores do linguajar doce e o rir suave ou garagalhado
Que recorde as histórias contadas em surdina
Que sinta a lágrima que não correu enquanto sorria
Que oiça o poema e reveja o piscar à luz dos flashs
adocicados por detrás de alguém que fotografando beijava
Que acaricie aquele sorriso sentado frente a mim
Que não pretenda contar o que já só é porque está aqui
guardado, mas planando no espaço,
e a que o humano ser português, ou nele se expressando,
designa docemente de AMIZADE!

18 comentários:

inconformada disse...

Sou a primeira ?? Oh, quanta honra ! Que sublime prazer :-)
E estás inspirada moçoila ! Como gosto de te ver assim (agora já te vejo e não apenas te "vejo") !
Obrigada, do fundo do coração, pelas gargalhadas tão saborosas :-)
Beijo enoooooorme

Toze disse...

Foi um prazer, ler este texto . Simplesmente belo ! gostava de saber escrever assim.
Parabéns e bom inicio de Semana !

Finurias
www.cagalhoum.blogspot.com

Toze disse...

Lembrei-me agora da " Cena do ódio " que muito adoro, quando gritas " Oh Deuses "... então daclamado pelo Viegas , é magistral. Foi um pequeno apontamento. Beijo

Finurias

OrCa disse...

SeiLá, sei cá que te diga... Esgalhadíssimo e que bem puxado lá das profundezas da alma!
Se num pequenino átomo do teu poema eu me sinto participante - se tu o permitires - fica aqui mais uma prova, sem margem para dúvidas, do encanto do encontro. Informal, despretensioso e, ainda assim, motivador. Aquele beijo!...
Belo poema do local abeirado de águas.

ognid disse...

Estou sem palavras para comentar aquilo que escreveste querida amiga. Veio de lá de dentro, sente-se. Como o OrCa, pelo bocadinho de mim que aí estiver fico-te imensamente agradecido. Beijinho grande.

Anónimo disse...

Oi, passando para agradecer a visitinha...Bjusss
Quase um anjo

Anónimo disse...

Sei lá...li a uma velocidade alucinante e visualizei tudo o que estava escrito. Muito belo. Os Deuses são assim:-) wind

pandora disse...

que lindo, que emocionante, que vaso cheio... és linda rapariga! se estiver por aí ctg pelo meio dos convocados que abraço grande te vou dar!
se não, aqui fica a minha admiração e um beijo leve...

lique disse...

Oh mulher, que inspiração! Está belo o que escreveste. Agradeço-te se estou por aí nos que convocaste, nem que seja um pouquinho! E, vendo-te à minha frente, dou-te um beijão e um abraço.

O Micróbio disse...

Custou-me tamanho rol de palavras, mas vá lá que acabou bem...

fernanda dias disse...

Graças a Deus que SENTES!!! Sente um pouco por mim... beijo

Anónimo disse...

Tão bonito! :) Tens muito jeito para a escrita! Pronto, já sabia, mas é sp bom relembrar. Beijokas!
http://sunshine.blogs.sapo.pt/
http://pequenitos.blogs.sapo.pt/

ALUENA disse...

Olá! Gostei e vou voltar, para que se faça fácil estou a LINKAR no meu BLOG http://bica.blogs.sapo.pt.
AMIGA SEMPRE.
Beijocas.

CetaceU disse...

seilá :)

deixei a resposta ao teu comentário no GolfinhU.

Aquilo q referi que "não gostei de ti" foi sobretudo intempestivo, e foi sobretudo depois das coisas que escreveste sobre mim e a roxy, é q n há nada mesmo! eu estou no mexico e ela é bem comprementida.

por favor relê os meus posts: "pesonalidades anti-sociais, esquizóides", pessoas q gostam ambas de estar sós, no seu cantinho. por isso estavamos ali.

até me diverti ctg.

1 beijo

Zé, o Golfinho ;)

Orelhas Quentes disse...

Minha cara amiga, Já tinha lido o teu post, mas não tinha comentado apenas porque já nada de novo iria dizer.

Gostei! E vejo que, para além de estares inspirada, foi sentido.

Como só agora vi o teu comentário, vim aqui deixar a minha opinião.

Beijo!

PS: O Orelhas quentes ainda está em fase de mudança para o blogspot. Por isso podes continuar a lêr as palermices mais actuais em orelhasquentes.blogs.sapo.pt

antonio disse...

Eu fui um previligido pela tua presença no encontro. É que um poema destes só podia vir de ti.

Também adorei conhecer-te, MUITO.

Um grande abração do
Zecatelhado

MJM disse...

"Eu estou aqui e.... maravilha!
estou sentindo que sinto!"
Roubei-te o cerne 'da coisa' e digo-te:
Estive ali e aqui e... maravilha!
estou sentindo que sinto!
Kisses da baby

日月神教-向左使 disse...

AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,性愛,正妹牆,情色視訊,愛情小說,85cc成人片,成人貼圖站

adoro estes espectáculos - este é no mercado de Valência

desafio dos escritores

desafio dos escritores
meu honroso quarto lugar

ABRIL DE 2008

ABRIL DE 2008
meu Abril vai ficando velhinho precisa de carinho o meu Abril

Abril de 2009

Abril de 2009
ai meu Abril, meu Abril...

dizia ele

"Só há duas coisas infinitas: o Universo e a estupidez humana. Mas quanto à primeira não tenho a certeza."
Einstein